Compartilhar

Gravidez silenciosa: quais são os sintomas?

Jornadas da Vida - Bebê a Bordo Por Jornadas da Vida – Bebê a Bordo
ícone de relógio indicando o tempo de leitura​ 6 min de Leitura
ícone de calendário indicando a data da publicação​ Criado em 13/06/2023 | Atualizado em 06/06/2023

Compartilhar

A gravidez silenciosa tem sintomas? Esse é um fenômeno tão peculiar que muitas pessoas até acreditam que não existe. Afinal, como uma mulher poderia ser surpreendida por uma gestação em um momento bem próximo do parto? No entanto, ela não só existe, como também pode ser mascarada por diversos fatores.

Neste post, mostraremos o que é a gravidez silenciosa e os sintomas por meio dos quais essa condição pode se manifestar. Também falaremos da importância de manter um acompanhamento contínuo com ginecologistas para se preparar quando for a hora da chegada do bebê. Confira!

O que é gravidez silenciosa?

É um processo no qual as mulheres só descobrem que estão grávidas em um momento próximo ao nascimento do bebê (por volta do terceiro trimestre) ou até mesmo no momento do parto. A gravidez silenciosa ocorre, principalmente, em casos em que a mulher tem alterações hormonais e passa muitos meses sem menstruar.

Aliás, a mulher na gravidez silenciosa menstrua? O que pode acontecer é que a mãe tem sangramentos, que julga serem da menstruação — quando, na verdade, são os chamados escapes gestacionais.

Embora a gravidez silenciosa seja uma realidade, essa é uma condição rara, uma vez que a maioria das gestações apresenta sintomas em algum momento.

O processo é bastante curioso, porque a barriga de gravidez silenciosa permanece parcialmente lisa durante todo o desenvolvimento da criança. Nesse caso, a mulher pode ter um abdômen longo, o que permite ao útero um desenvolvimento para cima em vez de para fora.

Do mesmo modo, mulheres com excesso de peso ou uma região abdominal mais musculosa por conta da prática de exercícios físicos também podem disfarçar o volume do útero, deixando menos pistas da gravidez.

Quais os sintomas de gravidez silenciosa?

Os sintomas da gravidez se apresentam de modo diferente para cada mulher. Alguns indícios mais comuns podem ser observados para que a descoberta da gestação não seja muito em cima da hora. Vamos conhecê-los.

Atraso na menstruação e sangramentos

De modo geral, o atraso na menstruação é um dos primeiros indícios de gravidez. Afinal, a menstruação nada mais é do que a liberação de sangue e tecido que estavam no útero, como parte dos preparativos do corpo da mulher para uma gestação. Quando o sangramento não ocorre, uma das possibilidades imediatas é a gravidez — ou atrasos no ciclo reprodutivo.

Mulheres que têm os ciclos irregulares podem ficar diversos períodos sem menstruar, normalmente. Isso pode mascarar uma gestação ou pelo menos atrasar sua descoberta, já que a demora em menstruar não necessariamente vá indicar a gravidez.

Além disso, existem mulheres que também sofrem com leves sangramentos durante a gravidez silenciosa, que podem ser confundidos com menstruação. Quando isso ocorre, é muito importante ir ao médico checar a real causa.

Enjoos, inchaços e dores de cabeça

Esses são alguns sintomas clássicos da gravidez tradicional. Quando esses sinais se manifestam em determinado momento, podem ser indícios de uma gravidez. É preciso tomar muito cuidado para não encarar um enjoo anormal como um mero problema de estômago ou confundir uma dor abdominal intensa com um problema intestinal corriqueiro.

Além disso, o que pode ser confundido com uma simples movimentação no intestino pode ser explicado como a movimentação do bebê.

Crescimento da barriga

Um questionamento comum sobre a mãe em casos de gravidez silenciosa é: “como ela não viu a barriga crescer?”. Mulheres obesas podem encarar aquele crescimento como mais uma oscilação do seu peso, quando o que pode estar crescendo é o útero.

Além disso, mulheres obesas podem sofrer com irregularidade menstrual por conta dessa condição, outra ocorrência que ajude a mascarar os ciclos.

Contudo, é importante notar que a gravidez silenciosa não ocorre apenas com esse tipo de pessoa. Também existem casos de pessoas mais magras, mas com uma forte musculatura no abdômen, impedindo que o útero vá para frente.

Nesse caso, o útero está crescendo, mas para dentro. Outro exemplo é o de mulheres que não têm uma boa nutrição, fazendo com que o bebê não cresça muito, também favorecendo a gravidez silenciosa.

Como identificar a gravidez silenciosa?

Entenda como identificar a gravidez silenciosa

A gravidez silenciosa é mais comum em mulheres que apresentam a chamada amenorreia, a falta de menstruação em idade fértil. Outro caso é o de mulheres que tenham intervalos muito longos entre uma menstruação e outra. Esse fenômeno é comum entre atletas e pessoas com sobrepeso.

Há casos em que a mulher percebe a gravidez quando sentiu um sintoma comum da gestação normal: o enjoo ao sentir o cheiro de comida. Assim, ela vai até o médico e se descobre grávida em um período já avançado.

O que fazer em caso de gravidez silenciosa?

Caso a mulher tenha tido relações sexuais sem o uso de preservativos nos últimos meses ou se enquadre em alguma das situações que citamos, é importante fazer um teste e/ou visitar um médico para checar a possibilidade.

Esse é um dos meios de evitar que a mulher descubra o bebê em um momento bem próximo do parto. Como não há um método específico para prevenir a ocorrência de uma gravidez silenciosa, é preciso adotar os mesmos caminhos relacionados a evitar uma gravidez normal: proteção em todas as relações sexuais e acompanhamento ginecológico contínuo.

Além disso, é importante ter o acompanhamento regular de médicos quando a mulher não menstrua com frequência ou apresenta um ciclo irregular, independentemente do motivo que gere essa ocorrência.

Nesse sentido, precisamos reforçar que as consultas de rotina ao ginecologista devem ser uma prática comum a todas as mulheres. Afinal, além de evitar uma gravidez sem o devido planejamento familiar prévio, esse hábito ajuda a prevenir e identificar precocemente doenças.

Agora que você viu o que é a gravidez silenciosa e seus sintomas, mesmo que eles possam se manifestar de maneira diferente em cada mulher, você entendeu os fatores que podem esconder a gestação. Ciclos menstruais irregulares e obesidade são algumas das possíveis causas.

Manter uma rotina de visita a bons profissionais é essencial para garantir a sua saúde e o melhor para o futuro dos filhos, mesmo em casos de sintomas de gravidez silenciosa. Essas visitas ajudarão a descobrir tal cenário antes da proximidade do parto.

Aproveite a visita no blog e confira o infográfico que ilustra o que muda com a chegada de um bebê!